28 de fevereiro de 2020

    Vamos ao Teatro – Crianças


    Espetáculos com enredos conhecidos e simples agradam mais nessa fase.

    Vamos ao Teatro – Histórias que você conta à noite para seu filho dormir podem ganhar vida no teatro no fim de semana. O programa é o máximo para crianças de dois a três anos, que começam a diferenciar a fantasia da realidade e a compreender o faz-de-conta.
    O que agrada mais a criança dessa idade são peças simples, mas que tenham movimento, cor e música, segundo especialistas.

    Pode ter choro –
    Outra dica é prestar atenção aos medos dos filhos. Tem criança que chora porque o espetáculo termina. Mas outras choram de medo quando as luzes se apagam para a história começar. “Provavelmente, porque os pais esquecem de avisar como funciona o teatro”, diz o especialista, que, aconselha dar uma olhada antes nas fotos do espetáculo para verificar se os personagens ou o cenário podem ser assustadores. “Nem todas as montagens infantis têm o bom senso de se preocupar com isso. Já vi criança chorar a peça inteira, morrendo de medo dos sete anões da Branca de Neve, por exemplo”. 
    Tem de participar – Normalmente é recomendado peças simples para que a criança possa entender e participar. Como regra, as peças mais proveitosas são aquelas cujos atores sabem acolher as interferências da criança – risadas, aplausos, perguntas e comentários no meio do espetáculo.
    Prepare seu filho – Explique como funciona o teatro, conte que os atores são pessoas normais que estão ali encenando uma história.
    Durante a peça, as crianças não podem subir no palco. Costumam ser convidadas a sentar nas fileiras da frente, sem os adultos. Se seu filho preferir você ao lado, não tente conter as reações espontâneas dele, como rir alto, cantar junto com os atores, aplaudir fora de hora. Deixe que descubra o teatro sozinho.

    Sobre o Autor

    O despertar da Consciência é nosso sistema de publicação automático dos conteúdos.

      Postagens Relacionadas