26 de janeiro de 2020

Região central do Rio Grande do Sul

Região central do Rio Grande do Sul – Em qualquer época do ano, o Centro Geográfico do Rio Grande do Sul é uma inigualável opção de roteiro com suas matas com madeiras fosselizadas. Concebida sob influência italiana e alemã, mas conservando as mais nobres tradições gaúchas, essa região do Estado abriga cidades como Santa Maria, sede da primeira universidade federal brasileira fora das capitais estaduais.

ZONA CENTRAL

Central: Agudo, Cacequi, Cachoeira do Sul, Cerro Branco, Dilermando de Aguiar, Dona Francisca, faxinal do Soturno, Formigueiro, Itaara, Ivorá, Jaguari, jari, Júlio de castilhos, Mata, Nova Esperança do Sul, Nova Palma, Novo Cabrais, Paraíso do Sul, Pinhal Grande, Quevedos, Restinga Seca, Santa Maria, Santiago, São Francisco de Assis, São João do Polêsine, São Martinho da Serra, São Pedro do Sul, São Sepé, São Vicente do Sul, Silveira Martins, Toropi, Tupanciretã, Unistalda, Vila Nova do Sul.

Alto Jacuí: Alto Alegre, Campos Borges, Colorado, Cruz Alta, espumoso, Fortaleza dos Vales, Ibirapuitã, Ibirubá, Lagoa dos Três Cantos, Mormaço, Não-Me-Toque, Quinze de Novembro, Saldanha Marinho, Salto do Jacuí, Santa Bárbara do Sul, Selbach, Tapera e Victor Graeff.

Sobre o Autor

O despertar da Consciência é nosso sistema de publicação automático dos conteúdos.

    Postagens Relacionadas