20 de janeiro de 2020

Ilha de Santa Catarina

Florianópolis, cidade encantada
Florianópolis é uma cidade excepcionalmente bela. Quem a visita, entrega-se a seus encantos e sempre volta. Capital do estado de Santa Catarina, é formada por uma grande ilha oceânica, com 424,4 km², e uma pequena península continental com 12,1 km², totalizando 436,4 km². Aproximadamente 300 mil pessoas moram na ilha e nos bairros do continente. Durante a temporada de verão, esta população ultrapassa 1 milhão de pessoas, entre moradores e visitantes. Floripa, como é conhecida pelos turistas, hoje, é um dos mais importantes destinos turísticos do Brasil.

É uma cidade de contrastes. Sua face urbana, formada pelo centro, pela região continental e pelos balneários turísticos, vive no ritmo do século XXI. Porém, nas comunidades rurais do interior da ilha e nas pacatas povoações de pescadores à beira-mar, o tempo ainda obedece o vaivém das marés, o passar das estações e as mudanças da lua.

Esses contrastes fazem com que Florianópolis tenha um estilo de vida próprio, só seu, traduzido em qualidade de vida – a cidade detém o segundo maior Índice de Desenvolvimento Humano entre todas as mais de 5.000 cidades do país. Não por acaso, Florianópolis é apontada como a capital com melhor qualidade de vida do Brasil.

Infra-estrutura turística completa
Florianópolis tem capacidade para realizar grandes eventos, como congressos, convenções, competições esportivas, shows e espetáculos. Há mais de 100 hotéis de categoria superior ou turística – são 16.000 leitos apenas na rede hoteleira. Existem, ainda, pousadas, muitas de nível internacional. Ao todo, são aproximadamente 500 meios de hospedagem. O Aeroporto Internacional Hercílio Luz é campeão em vôos charters durante a temporada de verão. E os transatlânticos turísticos começam a aportar na cidade. A infra-estrutura de serviços, entretenimento e lazer é completa, com grandes shoppings, danceterias, bares e centenas de restaurantes – a gastronomia local é baseada em frutos do mar, mas existem casas especializadas em todo o tipo de culinária.

Biodiversidade e 100 praias
É raro encontrar a riqueza e a diversidade dos ecossistemas existentes na Ilha de Santa Catarina em um único lugar. Mais difícil é garantir a existência e conservação desta biodiversidade nas proximidades de centros urbanos e comunidades rurais. Florianópolis tem uma combinação variada de ambientes, que a tornam o destino preferencial para os praticantes de esportes ligados à natureza: mar, montanha, Mata Atlântica, lagoas, rios, restingas, mangues, ilhas oceânicas, dunas…

Florianópolis tem 100 praias, muitas famosas, como Joaquina, Mole, Canasvieiras, Jurerê, Lagoa da Conceição… Com características bem diversas, cada uma tem seu jeito. As de mar grosso são preferidas pelos surfistas. As enseadas abrigadas e as lagoas são boas para os esportes náuticos. Costões e ilhas são ideais para o mergulho. Algumas praias são balneários agitados; outras, tranqüilas vilas de pescadores.

A combinação de ecossistemas permite, ainda, a realização de programas de montanha à beira-mar, como cavalgadas e vôo livre, durante todo o ano: são muitos os caminhos para trilhar na rica e diversa topografia da natureza dessa região.

Vocação para o turismo o ano inteiro
Em Florianópolis e região, o fluxo turístico tem sido maior no verão. Mas a cidade está preparada para manter-se em atividade o ano inteiro. Além das estruturas para eventos, receptivo, lazer e entretenimento que garantem o sucesso de feiras, convenções, congressos científicos ou profissionais fora da temporada, há atrações especiais em qualquer estação, como as águas termais de Santo Amaro ou Águas Mornas, as fortalezas, o patrimônio histórico-cultural… Atividades como vôo livre, caminhadas, mergulho, cavalgadas, navegação, surf, sandboard, ciclismo, motonáutica são realizadas em qualquer época do ano, com destaque especial para o outono: é ensolarado, belo e ameno, com pouca incidência de chuvas, luminosidade excepcional e águas com boa visibilidade e temperaturas mais quentes.

As atrações histórico-culturais
Segunda mais antiga povoação catarinense, Florianópolis é cidade histórica. Foi fundada em 1675, como Vila de Nossa Senhora do Desterro, pelo bandeirante Dias Velho. Era, então, caminho e pouso para aventureiros e marinheiros. Por sua localização estratégica na disputa de limites com a Espanha na América, a Coroa Portuguesa promoveu a construção de fortalezas e a ocupação do território por imigrantes açorianos.

As marcas da colonização estão presentes nas fortalezas e no casario colonial ainda preservados, nas igrejas seculares, na gastronomia típica, nas manifestações culturais, nas festividades, no artesanato, nas embarcações.

São muitos os museus, igrejas históricas e conjuntos arquitetônicos a serem visitados. Existem, ainda, sítios pré-históricos, com destaque para as inscrições rupestres na Ilha do Campeche e Costão do Santinho.

Roteiros Especiais
Lagoa da Conceição
Cartão postal da cidade, junto com a Ponte Hercílio Luz. É encruzilhada dos diversos caminhos da Ilha de Santa Catarina e síntese dos contrastes da cidade. Todos os ecossistemas se interligam ao seu redor, permitindo a realização de múltiplas atividades esportivas. Também é centro cultural, gastronômico, de lazer e entretenimento. Tem atrações históricas e algumas das praias mais famosas da Ilha, como Joaquina, Mole, Campeche, Barra da Lagoa e Moçambique ficam nas suas proximidades.

Fortalezas Históricas
São cinco. As de mais fácil acesso são o Forte Santana, embaixo da Ponte Hercílio Luz, que funciona como Museu de Armas, e o Forte de São José da Ponta Grossa, na Praia do Forte, situada entre as praias de Jurerê e Daniela. A Fortaleza de Santa Cruz de Anhatomirim e de Santo Antônio de Ratones ficam em ilhas na Baía Norte, respectivamente Anhatomirim e Ratones, acessíveis através de agradável passeio de escuna. Por fim, o Forte Nossa Senhora da Conceição é o único que ainda não foi restaurado. Fica na ilhota de Araçatuba, defronte à Praia de Naufragados, no extremo sul da ilha.

Fonte do texto: Site do Governo de Santa Catarina.

Sobre o Autor

O despertar da Consciência é nosso sistema de publicação automático dos conteúdos.

    Postagens Relacionadas