26 de janeiro de 2020

Aracajú – Sergipe

Aracaju – nome de origem tupi, junção das palavras arara e cajueiro -, é uma cidade moderna e tranqüila, de povo alegre e hospitaleiro, que mantêm a atmosfera de cidade calma, com grande vocação para deixar seus visitantes bem à vontade. Uma cidade planejada, fácil de conhecer.

No Centro Histórico, as antigas edificações, lembranças das primeiras décadas da construção da cidade, convivem harmoniosamente com toda modernidade que a capital sergipana oferece. Opções para entretenimento e lazer não faltam. Aqui você encontra modernos equipamentos turísticos e toda infra-estrutura para os mais diversos eventos. Belas paisagens naturais com extensas praias, dunas, coqueirais e manguezais surpreendem pela variedade e convidam para inesquecíveis passeios.

A cidade de Aracaju foi fundada em 1855, já com planejamento urbano, para abrigar a capital da Província. Naquele ano, o Presidente da Província, Inácio Joaquim Barbosa, transfere a capital de São Cristóvão para o povoado de Santo Antônio de Aracaju, na época uma aldeia cercada de pântanos e dunas, localizada à margem direita do rio Sergipe. São Cristóvão, primeira capital de Sergipe, não ofereceu mais as condições indispensáveis para uma sede administrativa e os senhores de engenho do Vale do Cotinguiba, maior região produtora de açúcar, exigiram a mudança, por Aracaju estar à beira-mar, facilitando o transporte da produção açucareira.

A construção da cidade foi um desafio à engenharia, face à sua localização. O desenho urbano foi elaborado por uma comissão de engenheiros, tendo como responsável Sebastião Basílio Pirro. Naquela época, as cidades adaptavam-se às condições topográficas naturais, estabelecendo irregularidades no panorama urbano. No entanto, o engenheiro Pirro se contrapôs a essa irregularidade e Aracaju foi uma das primeiras cidades no Brasil a ter essa tendência geométrica.

O centro do poder político – administrativo (atual Praça Fausto Cardoso), foi o ponto de partida para o crescimento da cidade. As ruas foram arrumadas geometricamente, como um tabuleiro de xadrez, todas direcionadas às margens do rio Sergipe.

Confira outros roteiros:
Praias de Aracaju

Uma brisa constante e águas calmas e mornas são privilégios das praias de Aracaju. O passeio pelo litoral da cidade começa nas praias da Coroa do Meio, dos Artistas e de Atalaia.

Croa do Goré
A Croa do Goré é uma pequena ilha de areia branca que surge com o movimento da maré, localizada no rio Vaza-Barris, entre os municípios de Aracaju e São Cristóvão.

Centro Histórico
Uma caminhada pelo Centro Histórico de Aracaju é um passeio pelo passado.


Fonte de texto: Turismo Sergipe – Governo do Estado de Sergipe.

Sobre o Autor

O despertar da Consciência é nosso sistema de publicação automático dos conteúdos.

    Postagens Relacionadas