Aguarde!
 Carregando o Conteúdo
          desta Página...
Home TopGyn
Envie por E-mail Fale Conosco

Artesanato Pernambucano - A arte de criar com as mãos parece ser um dom do povo pernambucano. Barro, ferro, flandre, madeira, tecido, palha, chifre, fios, conchas, ossos, pedra, corda, couro, vidro – nada passa despercebido à força criadora local. E assim surgem a cerâmica figurativa e utilitária, os ranchos, os objetos em funilaria, as talhas, as carrancas, a xilogravura, os trançados, os tapetes, as rendas e bordados, as esculturas e um sem número de outros trabalhos.

Recife se destaca como pólo centralizador e distribuidor da produção artesanal, mas o mapa do artesanato pernambucano é muito extenso, rico e variado.


CERÂMICA
Moldada no barro, sofre um processo de secagem e cozimento, podendo o trabalho final ser com a cor natural, pintando ou envernizado. Dentre suas expressões, está a figurativa (reproduz figuras e tipos da Religião); a religiosa (santos e anjos); a lúdica (jogos e brinquedos infantis); a utilitária (panelas, potes, jarros, pratos, corpos, etc.).


COURO
Alpercatas, bolsas, cintos, chapéus, alforje (bolsa ou saco em couro onde os vaqueiros transportam pertences e alimentos) e o gibão (casaco em couro que faz parte da indumentária do vaqueiro), perneiras, botas, relhos (chicote de couro torcido).

MADEIRA
Sua produção é das mais diversas e criativas. Dentre suas expressões, está a figurativa, a religiosa, a lúdica e a utilitária.

Olinda

Maior centro em madeira entalhada no Brasil. Talhas (cenas e paisagens esculpidas em pedaços de madeira, apresentam vários tamanhos e formatos, podendo ser o trabalho final na cor natural ou pintado em cores fortes). Rachos (trabalhos de inspiração indígena. Suas formas mais comuns são os painéis e as divisórias. Adriano é seu artesão mais famoso).

Petrolina
Terra das carrancas (figuras de aparência aterrorizante, colocadas nas proas das embarcações para afugentar os maus espíritos que habitariam o rio São Francisco). Hoje são utilizadas em decoração, podendo ser encontradas nos mais diversos tamanhos. Também podem ser moldadas em barro. Ana das Carrancas é sua artesã de maior expressão.

PALHA
Mais caracterizada pelo artesanato indígena. A palha natural ou tingida é trançada surgindo bolsas, tapetes, chapéus, cestas.


PEDRA
No Brejo da Madre de Deus, para admirar, está o Parque das Esculturas Monumentais, em granito, representando os tipos populares do Nordeste.

RENDAS E BORDADOS
A mais famosa das rendas trabalhadas em Pernambuco é a Renascença. Os bordados são dos mais belos e variados. Rendas e bordados são utilizados em cama, mesa e vestuário.

TECELAGEM / TAPEÇARIA
Belos tapetes artesanais, redes e mantas tecidas em teares manuais, em fios grossos naturais ou mesclados de cores fortes. Se destaca a produção de calçado em couro.

XILOGRAVURA
Imagens esculpidas em madeiras que são imprimidas em tecido ou papel. Apresentam motivos regionais formando quadros e painéis, seu maior artesão é J. Borges.



>