Aguarde!
 Carregando o Conteúdo
          desta Página...
Home TopGyn
Envie por E-mail Fale Conosco

Outras Informaçõs sobre Sexualidade




O vício de sexo

20:34




A exposição exagerada dos atrativos físicos, tanto na mídia como nas ruas, na praia, nas casas de diversão, etc., tem sido um dos fatores que está levando muitas pessoas a admitirem que estão viciadas em sexo, como se vicia no álcool ou em outras drogas. Um grande número de viciados no sexo concordam que o uso doentio da libido é o resultado de um processo progressivo, que muitas vezes tem início com a prática viciosa da masturbação, tendo como fundo uma cena erótica pornográfica. A pornografia, que leva uma pessoa a se viciar no sexo, é bastante acessível nos dias atuais. Está na Internet, nos serviços telefônicos, nas revistas e até mesmo na paquera pelo telefone com um(a) desconhecido(a). Mas de todos os meios, a Internet é o mais disseminado hoje em dia. Em foros da Internet já se fala abertamente sobre o tema; nas páginas dos sites de medicina também. Um exemplo muito recente é o de um internauta que escreveu: "Olá! eu gostaria que alguém me ajudasse a me curar do meu forte vício do sexo. Quase todo meu tempo e dinheiro são gastos em assuntos de sexo. Compro toda classe de pornografia por correio e eu adoro ter relações sexuais casuais. Não sei mais o que fazer. Por favor, me ajudem (...). Devido a este problema perdi o interesse pela minha família, amizades e convívio social. Vivo em um pequeno mundo onde todos têm o mesmo vício, por isso não consigo ajuda." Um especialista que leu este apelo, tratou de dar a sua resposta: "pedir ajuda já é um passo. Entretanto, você precisa começar se conscientizando de que deve tratar seu corpo com muito respeito. Você não pode se transformar em seu próprio objeto sexual, nem deve ver seu corpo como algo mau ou sujo, ao contrário... aproveita seu vício para conhecer o lado profundo de seu corpo, examinando suas sensações, para que possa obter um equilíbrio entre o prazer saudável de fazer amor, e o prazer nocivo de um viciado se entregando à prática de seu vício. Ninguém poderá ajudá-lo se você não quiser dar um novo rumo às suas atitudes íntimas. Você deve reforçar sua auto-estima, amar-se com dignidade, e fazer amor pelo prazer de compartilhar um momento gostoso com alguém que está ligado a você por algum afeto ou compatibilidade, mesmo que temporária. Como qualquer vício, livrar-se do vício do sexo exige determinação e perseverança."

26/03/2006







































Voltar